Os principais temas de cidades – escolha e encontre a "sua cidade" …

Mönchengladbach, uma cidade, cujo caráter é marcado pela interessante combinação da atratividade urbana com o charme do campo. Parques e bosques caracterizam esta "cidade grande no campo", mas Mönchengladbach é também arte e cultura, com monumentos arquitetônicos importantes, um museu de fama mundial e um circuito dinâmico de teatro, comédia e variedades.

mais »

A antiga mina de carvão da Alemanha, um dos maiores centros urbanos da Europa, com cinco milhões de habitantes, é hoje um dos cenários culturais mais densos de todo o continente. Com as metrópoles Bochum, Dortmund, Duisburg, Essen e Oberhausen e muitas outras cidades, a Região do Ruhr forma um espaço urbano característico, repleto de surpresas.

mais »

Mannheim sempre foi uma cidade do movimento: foi ali que em 1817 Karl Drais construiu a draisiana, precursora da bicicleta, e foi ali também que o primeiro automóvel de Carl Benz saiu às ruas, em 1886. Em 1921 foi a vez do célebre trator Lanz Bulldog e Julius Hatry construiu ali, em 1929, até mesmo o primeiro avião-foguete do mundo. É evidente que alguns os cérebros criativos se sentem em casa em Mannheim.

mais »

Goethe e Schiller, Herder e Wieland, Nietzsche, Fürnberg, Liszt, Bach, Cornelius, Gropius, Feininger, Klee, Itten ... Há uma legião de grandes nomes em Weimar. A cidade é uma joia da história intelectual alemã e europeia. O Classicismo de Weimar e também a Bauhaus são até hoje estrelas da cultura que se apresentam em Weimar de forma harmônica e em profusão.

mais »

Aachen é uma cidade que vive, pensa e sente a Europa. De certa forma, ela é a Europa em miniatura: localizada no centro da região fronteiriça entre três países, dedicada às raízes, valores e ideais do continente desde a época de Carlos Magno, e hoje a cidade do Prêmio Carlos Magno, concedido desde 1950 na prefeitura em honra de ações em prol da união da Europa.

mais »

Localizada entre a Floresta Negra, as montanhas dos Vosges e a Floresta do Palatinado, na planície do Reno, Karlsruhe é um centro tecnológico e científico, sede do mais importante tribunal da Alemanha e capital da internet no país. E como a mentalidade aqui sempre foi um pouco mais liberal do que em outras regiões, a arte, a cultura e a alegria de viver encontraram na cidade um solo fértil.

mais »

Alguns preferem usar "Lifestyle", outros chamam a isso "Estilo de vida". Em Munique, o importante é que isso se escreve com maiúscula. Seja pelo famoso céu branco-azul, ou pela beleza da cidade, o fato é que os habitantes de Munique sempre mostram o que têm de melhor: nas cervejarias ao ar livre, nas maravilhosas avenidas ou no estádio do seu time, o FC Bayern.

mais »

Será que os habitantes de Freiburg são tão alegres porque o sol aqui brilha mais do que em outras regiões, ou é o sol que brilha como recompensa porque eles são um povo alegre? Quem poderia saber? O certo é que a vida nesta grande cidade alemã que está situada mais ao sul, é maravilhosa.

mais »

A antiga mina de carvão da Alemanha, um dos maiores centros urbanos da Europa, com cinco milhões de habitantes, é hoje um dos cenários culturais mais densos de todo o continente. Com as metrópoles Bochum, Dortmund, Duisburg, Essen e Oberhausen e muitas outras cidades, a Região do Ruhr forma um espaço urbano característico, repleto de surpresas.

mais »

Uma cidade perfeita para qualquer caso amoroso, mundialmente famosa e que não pode faltar na lista das melhores no turismo internacional: Heidelberg. Isso se traduz no romantismo idílico entre a ponte Alter Brücke e o imponente castelo, na extraordinária oferta cultural e de eventos, na deliciosa culinária, na hospitalidade e na maravilhosa localização entre o rio Neckar e as encostas da floresta de Odenwald.

mais »

Wuppertal é a maior cidade da região de Bergisches Land e também o centro econômico, educacional, industrial e cultural da região. E, é claro, ela é principalmente a cidade do monotrilho – o que se tornou até slogan oficial de Wuppertal. Ao longo do trilho, o visitante vê uma cidade consciente de sua história e do que tem para oferecer. E ela tem muito a oferecer.

mais »

Provavelmente nenhuma outra cidade alemã merece mais que Chemnitz o título de "Cidade da Modernidade". Depois de florescer na era da modernidade industrial, que continua impulsionando o desenvolvimento dinâmico da economia e da ciência alemãs, Chemnitz é também exemplo da influência da modernidade na cultura e na arquitetura.

mais »

O que faz Berlim ser diferente de outras metrópoles? Primeiramente, os próprios berlinenses, cujo jeito áspero, mas também cordial, transmite a atmosfera especial dessa cidade. Naturalmente, há também uma incrível variedade de atrações que retratam tanto o otimismo e a dinâmica da vida contemporânea, como a história e os grandes dramas do século XX.

mais »

Descobrir o mundo e voltar para Hamburgo: provavelmente o melhor roteiro de viagem que se pode imaginar. Porta para o mundo, beleza à beira-mar, grandeza marítima no norte – até os hanseáticos, que são sempre tão reservados, não conseguem esconder o orgulho pela sua cidade, pela sua atmosfera e pelo charme cosmopolita que irradia.

mais »

Kiel, que durante muitos anos foi uma importante cidade portuária e naval, caracteriza-se hoje por uma cena estudantil ativa, um estilo de vida despreocupado e o charme urbano. Isso fica evidente na bela localização da capital, no fiorde de Kiel, e no moderno centro da cidade, onde o ponto de encontro é a Dänische Straße, uma espécie de sala de estar da cidade que manteve o charme marítimo nos seus prédios da fase de ouro do século XIX.

mais »

Não é verdade que é preciso ter um doutorado para visitar Göttingen. Mas ele certamente ajuda nessa cidade que parece vibrar com erudição e conhecimento, que está mais marcada pela vida estudantil e acadêmica que qualquer outra na Alemanha. Só entre os vencedores do prêmio Nobel, há 44 que nasceram Göttingen, ali estudaram, pesquisaram ou ensinaram.

mais »

Quem acha que uma cidade medieval, ainda mais com 2.000 anos de história, só pode ser um lugar modorrento, está redondamente enganado: Regensburg tem de tudo, menos monotonia. A herança cultural não está somente em obras e locais históricos, ela está viva nas ruas. Considerada a cidade com a maior concentração de bares na Alemanha por habitante, Regensburg é também sinônimo de prazer.

mais »

Se existe um gene da alegria e do espírito festeiro, então os habitantes de Colônia devem ter herdado logo um monte deles. Pois Colônia, mais do que uma paixão, é uma espécie de emoção e maneira positiva de ver a vida. E isso inclui o carnaval, a cerveja "Kölsch" e, é claro, a catedral de Colônia.

mais »

Se houvesse uma espécie de melhor aluna da classe entre as cidades alemãs, ela seria Darmstadt. Culta e erudita, com interesses variados e de aparência elegante, Darmstadt ganhou um perfil bem pessoal e adquiriu certa fama através da ciência, literatura, arte e arquitetura.

mais »

Münster é uma cidade cosmopolita e jovem, descontraída e orgulhosa, cuja história remonta a mais de 1.200 anos. Seja como diocese, membro da Liga Hanseática ou sede de universidades – Münster sempre desempenhou um papel importante, não só na região. E foi um acontecimento que colocou Münster nos livros de história de todo o mundo: na cidade, foi assinada a Paz da Vestfália, que pôs fim à Guerra dos Trinta Anos.

mais »

Mainz é uma cidade universitária, da história romana, centro da mídia e capital do estado, além de sinônimo da famosa combinação entre a catedral romana, a arte da impressão de Gutenberg e o carnaval do Reno. Ela é também resultado de uma grande herança de quase 2.000 anos, da qual os habitantes de Mainz têm muito orgulho, e com razão. O que torna Mainz ainda mais simpática é que, além dos muitos monumentos culturais, a cidade tem também uma proeminente cultura vinícola.

mais »

Ludwigshafen não é a única cidade nas margens do Reno que cresceu junto com a indústria química, que se formou de vários vilarejos pequenos e só aparece na história no século XIX, e que adquiriu uma nova identidade com a arte e a cultura. Mas como todas as cidade do Reno, Ludwigshafen é um destino que vale a pena: urbana, mas também verde, historicamente interessante e com um charme especial.

mais »

A antiga mina de carvão da Alemanha, um dos maiores centros urbanos da Europa, com cinco milhões de habitantes, é hoje um dos cenários culturais mais densos de todo o continente. Com as metrópoles Bochum, Dortmund, Duisburg, Essen e Oberhausen e muitas outras cidades, a Região do Ruhr forma um espaço urbano característico, repleto de surpresas.

mais »

A antiga mina de carvão da Alemanha, um dos maiores centros urbanos da Europa, com cinco milhões de habitantes, é hoje um dos cenários culturais mais densos de todo o continente. Com as metrópoles Bochum, Dortmund, Duisburg, Essen e Oberhausen e muitas outras cidades, a Região do Ruhr forma um espaço urbano característico, repleto de surpresas.

mais »

A antiga mina de carvão da Alemanha, um dos maiores centros urbanos da Europa, com cinco milhões de habitantes, é hoje um dos cenários culturais mais densos de todo o continente. Com as metrópoles Bochum, Dortmund, Duisburg, Essen e Oberhausen e muitas outras cidades, a Região do Ruhr forma um espaço urbano característico, repleto de surpresas.

mais »

Rostock tem um coração marítimo: o porto da cidade. Mesmo que já não se vejam tantos marinheiros no cais como antigamente, o porto continua dando à cidade uma atmosfera inconfundível. É ali também que acontecem os grandes eventos, como a Hanse Sail, que reúne, sempre em agosto, centenas de veleiros e milhões de visitantes.

mais »

Fundada pelo imperador romano Augusto sob o nome de Augusta Treverorum, no ano de 16 a.C., Trier é conhecida não só como a mais antiga cidade alemã, mas também como importante centro de monumentos arquitetônicos e patrimônios artísticos da Antiguidade. Isso se comprova quando se vê a Porta Nigra, o mais bem conservado portão de cidade da Idade Antiga e hoje símbolo da cidade à beira do rio Mosela.

mais »

Não só a Alemanha, mas o mundo inteiro da moda se encontra no público quando as novidades da alta-costura e do prêt-à-porter são mostradas. A cidade no Reno torna-se a meca dos criadores e compradores de moda internacionais quando a "The Gallery Düsseldorf", originada pela antiga maior feira de moda do mundo, a Igedo, abre suas portas duas vezes por ano.

mais »

A musicalidade dos habitantes de Leipzig fica evidente até no fato de que foi daqui que foi dado o ritmo para a revolução pacífica de 1989. Depois das mudanças políticas que entraram para história com a expressão "die Wende", Leipzig recebeu o título de "Heldenstadt" (cidade de heróis) – o que poderia ser dito também de seus grandes músicos, maestros e compositores, que continuam tão presentes e populares aqui como talvez em nenhum outro lugar.

mais »

Lübeck, a rainha de todas as cidades hanseáticas, foi fundada em 1143 como a "primeira cidade ocidental na costa do Mar Báltico". A maravilhosa paisagem da cidade é marcada ainda hoje por um ambiente medieval e por atrações histórico-culturais, como o Holstentor, que lembram seu passado glorioso como cidade livre e hanseática.

mais »

Marcada por empresas tradicionais, como a Schott Glas e Zeiss, Jena é uma combinação fascinante entre passado industrial e intelectual, pesquisa, inovação e vida acadêmica. Essa se encontra tanto nos institutos e centros educacionais, como também nos bares do maravilhoso centro histórico, que combinam tradição com aconchego.

mais »

Descubra no mapa a Alemanha como destino turístico

Adicione aqui os seus favoritos. Você pode salvar, selecionar, separar e imprimir a sua seleção e planejar toda a sua viagem na Alemanha.

0 favoritos selecionados