Museu Brandhorst, Munique
Selecione...

Obras do século: o museu Brandhorst

Juntamente com a coleção da "Pinakothek der Moderne", a pinacoteca de arte moderna, o espaço das artes em Munique, conhecido como "Kunstareal", foi enriquecido com o museu Brandhorst: tanto a arquitetura como suas obras exercem forte influência como fatores culturais para o lugar. Mas os quadros, esculturas e instalações oferecem principalmente uma experiência estética como nenhuma outra coleção: 700 marcos da arte desde 1945 estão reunidos aqui em três andares de exposição com cerca de nove metros de altura cada. Entre eles estão obras de Cy Twombly, Andy Warhol, Joseph Beuys, Damien Hirst, Sigmar Polke e Bruce Nauman.

Juntamente com a coleção da "Pinakothek der Moderne", a pinacoteca de arte moderna, o espaço das artes em Munique, conhecido como "Kunstareal", foi enriquecido com o museu Brandhorst: tanto a arquitetura como suas obras exercem forte influência como fatores culturais para lugar. Mas os quadros, esculturas e instalações oferecem principalmente uma experiência estética como nenhuma outra coleção: 700 marcos da arte desde 1945 estão reunidos aqui em três andares de exposição com cerca de nove metros de altura cada. Entre eles estão obras de Cy Twombly, Andy Warhol, Joseph Beuys, Damien Hirst, Sigmar Polke e Bruce Nauman.

Controle de site acessível

Dois atalhos úteis para o zoom no seu navegador:

Aumentar: +

Diminuir: +

No seu navegador, você encontra mais informações clicando o ícone: