Via Claudia Augusta ©Regio Augsburg Tourismus GmbH
Rotas de férias de A a Z
A Via Claudia Augusta

Via Claudia Augusta – Uma das mais importantes rotas romanas

A atual cultura alemã não existiria sem a contribuição dada pelos romanos. A Via Claudia Augusta estende-se por cerca de 700 km, seguindo os passos dos romanos desde Donauwörth, na Baviera, atravessando os Alpes até Ostiglia, junto ao rio Po, na Itália. Esse caminho ancestral, de importância cultural e comercial para o Império Romano, era a principal via dos romanos ao longo do Danúbio e do Lech, levando do sul da Alemanha até a Itália.

Há cerca de dois mil anos, os romanos construíram a única estrada imperial que atravessava os Alpes. Ela ia desde a cidade portuária italiana de Hostiglia, na Idade Antiga (hoje Ostiglia, no rio Po) atravessando os Alpes pelas passagens de Récia e Fernpass, até o Danúbio. Assim, durante séculos os cerca de 700 km da antiga trilha de suprimento militar foi a mais importante ligação entre o território romano e suas ricas províncias no norte.

Do Danúbio até a Itália, como os romanos

Ainda hoje, a Via Claudia Augusta impressiona, mostrando como os construtores de estradas romanos conseguiam subjugar a natureza com maestria. Como nos aquedutos, eles superaram as dificuldades do terreno rochoso, de forma que montanhas e rios já não fossem mais obstáculos. Para poder executar operações militares com rapidez, era preciso ter estradas bem pavimentadas e largas o suficiente para suportar os pregos das botas de milhares de soldados, animais de carga e carruagens pesadas de ferro.

O fundamento da Europa moderna

Mas os romanos trouxeram ainda mais quando atravessaram os Alpes: a língua e a escrita, a organização do estado, a religião, o direito, o calendário e o sistema de moedas, além de várias outras conquistas da civilização. Muitos testemunhos dessa importante via histórica e algumas de suas ruínas foram preservadas em vários lugares e podem ser identificados na imagem atual do roteiro. Mas a Via Claudia Augusta permite conhecer também várias características das regiões por onde passa, épocas e figuras históricas, os povos e suas culturas – seja de bicicleta, caminhando, seguindo a trilha de peregrinos, de carro ou viajando com a antiga diligência dos correios.

Variedade é a chave

O visitante encontra uma mistura inesquecível de paisagens, cidadezinhas animadas, vilarejos tranquilos, centenas de lembranças de uma história rica em acontecimentos, trechos inteiros da estrada, pontes, marcos. A cada passo, encontram-se resquícios dessa rota de mais de dois mil anos e da vida que por ela passou. Ao longo do caminho, as épocas passadas estão documentadas em sítios arqueológicos, exposições e monumentos. Campos e áreas habitadas, tradição e a hospitalidade característica fazem essa herança cultural ser sentida de perto. E as delícias da cozinha regional e das suas adegas são outra atração. Alguns restaurantes oferecem até mesmo pratos preparados como no tempo dos romanos, tornando a sua experiência ainda mais especial.

Via Claudia Augusta

Extensão: aprox. 700 km

Tema: cultura, arqueologia, romanos, história

Destaques:
Augsburg: capital de província romana, Fuggerei, Siebentischwald
Donauwörth: casa da Ordem Teutônica Deutschordenshaus, igreja-salão
Füssen: termas romanas históricas, Festspielhaus, passeio no lago Forggensee
Königsbrunn: Mithraeum, museus
Landsberg am Lech: cidade histórica, ponte do Lech
Lechbruck am See: Museu das balsas
Schwangau: castelo Neuschwanstein, termas Kristalltherme

www.viaclaudia.org

Controle de site acessível

Dois atalhos úteis para o zoom no seu navegador:

Aumentar: +

Diminuir: +

No seu navegador, você encontra mais informações clicando o ícone: