Halle

Halle: vida boa sob o sol, a lua e as estrelas

Comprar coisas bonitas, comer bem, apreciar as artes, a cultura e a vida: em Halle e no seu centro histórico praticamente intacto tudo o que é bom fica perto. Essa jovem cidade antiga conquista o visitante com a deslumbrante arquitetura histórica das belas praças, mas também com seu ritmo dinâmico de vida.

Um passeio pelas ruas do centro histórico fazem você sentir a história presente em todas as esquinas. Mas Halle é também moderna, como prova a animação nos cafés, restaurantes e bares. Galerias elegantes, grandes lojas comerciais e pequenas butiques atraem clientes de todos os gostos e as praças espaçosas da cidade parecem vibrar com vida. Um exemplo é a Universitätsplatz com seu impressionante conjunto de prédios classicistas. Ou a Marktplatz, a maior praça de Halle e um ponto tradicional de comércio e mercado, que há 800 anos já era ocupado por tecelões e comerciantes de tecidos. No centro da Marktplatz fica o monumento ao compositor Georg Friedrich Händel, nascido em Halle, em 1685. Daqui podem ser vistas as silhuetas das cinco torres que formam, juntas, o marco da cidade.

Uma visita a Martinho Lutero e Georg Friedrich Händel

A "Rote Turm" (torre vermelha) é uma delas, e vale a pena não só vê-la, mas também ouvi-la: ela tem o terceiro maior grupo de sinos do mundo, com 76 sinos e um peso total de mais de 45 toneladas. As outras torres pertencem à igreja Marienkirche, também chamada de "Marktkirche" (igreja do mercado). Martinho Lutero ainda parece estar bem vivo – tamanha é a naturalidade da sua máscara mortuária depositada aqui. O grande órgão foi inaugurado na presença de Johann Sebastian Bach e mesmo depois de 300 anos, ouvi-lo continua a ser uma experiência divina. No quarteirão da catedral, o Domviertel, o visitante volta a um passado ainda mais distante. Ali, nos arredores da antiga igreja dominicana, está a casa onde nasceu Georg Friedrich Händels, uma residência renascentista que desde 1948 abriga o museu deste grande mestre.

Tesouro da humanidade: o disco celeste de Nebra

O sol, a lua e as estrelas que se encontram no brasão de Halle talvez tenham sua origem no famoso disco celeste de Nebra, o mais antigo mapa celeste concreto da humanidade. Essa antiga preciosidade de 3.600 anos pode ser admirada no Museu da Pré-História, um dos museus arqueológicos mais importantes da Europa. A extraordinária exposição reproduz de forma realista a vida durante a Idade da Pedra e do Bronze, quando o planeta era ocupado por neandertais, leões das cavernas e mamutes. Já mais próximo do presente fica o museu de arte do estado de Saxônia-Anhalt no castelo de Moritzburg: pinturas, gravuras, esculturas e arte artesanal dos séculos XIX e XX são mostradas na ótima exposição permanente. E mais presente ainda estará o visitante que assistir a um dos muitos espetáculos de ópera, teatro, variedades e cabaré, aproveitando a vida nessa maravilhosa cidade.

Principais atrações
Highlights

Descubra no mapa a Alemanha como destino turístico

Adicione aqui os seus favoritos. Você pode salvar, selecionar, separar e imprimir a sua seleção e planejar toda a sua viagem na Alemanha.

0 favoritos selecionados